O Pr. Gilson Soares dos Santos é casado com a Missionária Selma Rodrigues, tendo três filhos: Micaelle, Álef e Michelle. É servo do Senhor Jesus Cristo, chamado com santa vocação. Bacharel em Teologia pelo STEC (Seminário Teológico Evangélico Congregacional), Campina Grande/PB; Graduado em Filosofia pela UEPB (Universidade Estadual da Paraíba); Pós-Graduando em Teologia Bíblica pelo CPAJ/Mackenzie (Centro Presbiteriano de Pós-Graduação Andrew Jumper). Professor de Filosofia e Teologia Sistemática no STEC. Professor de Teologia Sistemática no STEMES, em Campina Grande - Paraíba. Pastor do Quadro de Ministros da Aliança das Igrejas Evangélicas Congregacionais do Brasil (AIECB). Pastoreou a Igreja Evangélica Congregacional de Cuité/PB, durante 15 anos (1993-2008). Atualmente é Pastor Titular da Igreja Evangélica Congregacional em Areia - Paraíba.

13 de agosto de 2012

Todo Homem Precisa de Salvação


TODO HOMEM PRECISA DE SALVAÇÃO

Pr. Gilson Soares dos Santos

INTRODUÇÃO

Sabemos que todos pecaram e estão separados da glória de Deus.
Por causa do pecado, todo homem está condenado à morte eterna.
Por causa do pecado o homem está condenado ao inferno.
Se todo homem é pecador, logo todo homem precisa da salvação.
Salvação de quê? Do pecado original, dos pecados atuais, da condenação eterna, que é o inferno.
"A Bíblia anuncia claramente que haverá um dia de julgamento quando todos os seres humanos prestarão contas diante do tribunal de Deus. Para muitos, este "dia do Senhor" será um dia de trevas, sem luz alguma. Será o holocausto supremo, a hora mais triste, a pior calamidade da história da humanidade. Salvação suprema significa ser poupado da ira divina que certamente virá sobre o mundo. Esta é a operação de resgate que Cristo realiza por seu povo como seu Salvador.” (R. C. Sproul)


01 O QUE É PRECISO PARA QUE O HOMEM ALCANCE A SALVAÇÃO E NÃO SEJA CONDENADO ETERNAMENTE?

É preciso nascer de novo. O novo nascimento é a salvação efetuada por Cristo.

Vejamos os seguintes textos:

A – João 3.3-6

A1 – Esse texto nos diz que o homem não pode entrar no Reino de Deus se não nascer de novo.
A2 – Isto quer dizer que o homem só pode entrar no Reino de Deus quando nasce de Deus, ou seja, quando se torna um salvo.
A3 – Então, confirmamos que todo homem precisa de salvação.

02 ISTO QUER DIZER QUE ENQUANTO O HOMEM NÃO NASCER DE NOVO ELE ESTÁ SUJEITO À CONDENAÇÃO ETERNA?

Sim. É exatamente isto.

Se um homem morre com o “vírus do pecado” manifestado nele e originando uma multidão de outros pecados, este homem está condenado. Enquanto alguém não nascer de novo está com o mal do pecado original dentro de si.

O pecado que contaminou a raça humana matou o homem. Por isso aquele que não nascer de novo continua morto espiritualmente.

03 QUER DIZER QUE ANTES DO HOMEM NASCER DE NOVO E SE TORNAR SALVO ELE ESTÁ MORTO?

É isso que a Bíblia diz. Ele está espiritualmente morto. Vejamos Romanos 3.26 e Efésios 2.1-5

A – O texto de Romanos 6.23

A1 – Esse texto nos diz que o salário (o pagamento) do pecado é a morte.
A2 – Por isso Deus disse que no dia em que Adão e Evan comessem do Fruto da Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal eles morreriam.
A3 – Mas o mesmo texto diz que o Dom Gratuito de Deus é a “Vida Eterna”.

B – O texto de Efésios 2.1-5

B1 – Esse texto diz que estávamos mortos em nossos delitos e pecados.
B2 – Mas Deus, por seu amor, nos deu vida.
B3 – Isto deixa claro que é Deus quem nos salva. Somente Ele por seu amor pode nos dar vida.

04 UMA PESSOA MUITO RELIGIOSA PRECISA DE SALVAÇÃO?

     Sim. A religião não pode salvar.

A – Vamos ler o seguinte texto de João 3.1-7.

A1 – Nicodemos era um religioso.
A2 – Ele era um dos principais dos judeus.
A3 – Ele acreditava em Deus.
A4 – Ele admirava a Jesus e considerava Jesus um bom Mestre.
A5 – Jesus diz que ele precisava nascer de novo.
A6 – Veja que a religião judaica, embora tivesse uma prática de veneração a Deus, não poderia salvar Nicodemos.
A7 – Veja que ele era um admirador de Jesus. Mas não basta ser admirador de Jesus. Não basta considerá-lo um Bom Mestre. É preciso nascer de novo, ou seja, todo ser humano precisa de salvação.

5 AQUELES QUE NÃO TÊM RELIGIÃO ALGUMA, PRECISAM DE SALVAÇÃO?

A situação é a mesma. Vejamos os textos de João 4.1-26 e Lucas 19.1-10.

A – João 4.1-26.

A1 – A mulher samaritana vivia uma vida errada.
A2 – Ela conhecia a história de Jacó, mas vivia na prática errada.
A3 – Ela conhecia sobre a história da salvação que vinha dos judeus.
A4 – Ela conhecia sobre adoração. Sabia que os judeus adoravam no templo, e os samaritanos no monte.
A5 – A religião dos samaritanos não pôde salvá-la.
A6 – Ignorar as coisas de Deus e viver de maneira errada, não pode salvá-la.
A7 – Ela precisava de salvação.

B – Lucas 19.1-10

B1 – Zaqueu era um publicano (cobrador de impostos).
B2 – Era um homem sem religião.
B3 – Era um pecador. Por isso as pessoas estranharam que Jesus tivesse entrado na casa de Zaqueu, pois ele era um pecador.
B4 – Precisou de salvação.

6 SE UM HOMEM (OU MULHER) É RELIGIOSO, DÁ ESMOLAS, FAZ ORAÇÕES. PRECISA DE SALVAÇÃO?

Sim. Ninguém é salvo por ser religioso, dar esmolas, fazer rezas.

A – Leiamos o texto de Atos 10
    
A1 – Ele era um funcionário do império. Centurião da Coorte Italiana.
A2 – Cornélio era um homem temente a Deus e sua família também.
A3 – Dava esmolas, isto é, praticava obras de caridade. 
A4 - Fazia orações.
A5 – Era um homem com a vida “certinha”.
A6 – Cornélio precisou ouvir a pregação do Evangelho para ser salvo.

Lendo os textos acima, concluímos que o homem pode ser religioso como Nicodemos, ele precisa nascer de novo. Pode ser errado como a samaritana e Zaqueu, precisa nascer de novo. Pode ser bondoso e religioso como Cornélio, precisa nascer de novo.

7 POR QUE AS PESSOAS SENDO BOAS E RELIGOSAS PRECISAM DE SALVAÇÃO?
  • Porque o “vírus do pecado” não acaba no homem por ele ser religioso ou bondoso, muito menos se for errado.
  • A religião não pode tirar o “vírus do pecado”, isto é, o pecado original.
  • Ignorar Deus, também não eliminará o “vírus do pecado”.
  • Atos de caridade não podem tirar o “vírus do pecado”, o pecado original.

 CONCLUSÃO

O pecado é universal. Atingiu toda a ração humana. Por isso religião, ignorância, caridades, bondade, nada disso pode apagar a mancha do pecado original no homem. O pecado separa o homem de Deus (Leia Isaías 59.1,2).
O doente só é curado quando admite que está doente e busca a cura. O pecador só é perdoado quando reconhece seu pecado e procura libertação no sangue de cristo. (Leia I João 1.7-9; Provérbios 28.13; Atos 17.30-31).