O Pr. Gilson Soares dos Santos é casado com a Missionária Selma Rodrigues, tendo três filhos: Micaelle, Álef e Michelle. É servo do Senhor Jesus Cristo, chamado com santa vocação. Bacharel em Teologia pelo STEC (Seminário Teológico Evangélico Congregacional), Campina Grande/PB; Graduado em Filosofia pela UEPB (Universidade Estadual da Paraíba); Pós-Graduando em Teologia Bíblica pelo CPAJ/Mackenzie (Centro Presbiteriano de Pós-Graduação Andrew Jumper). Professor de Filosofia e Teologia Sistemática no STEC. Professor de Teologia Sistemática no STEMES, em Campina Grande - Paraíba. Pastor do Quadro de Ministros da Aliança das Igrejas Evangélicas Congregacionais do Brasil (AIECB). Pastoreou a Igreja Evangélica Congregacional de Cuité/PB, durante 15 anos (1993-2008). Atualmente é Pastor Titular da Igreja Evangélica Congregacional em Areia - Paraíba.

17 de dezembro de 2012

A decepção de Elcielly: mais uma armação dos profetas da confusão e do óbvio


A DECEPÇÃO DE ELCIELLY MAIS UMA ARMAÇÃO DOS PROFETAS DA CONFUSÃO E DO ÓBVIO

Pr. Gilson Soares dos Santos

Há alguns dias, eu vinha acompanhando uma matéria que li no blog “A Arte de Chocar”. Tal matéria dizia que “uma jovem solteira, trabalhadora e bem intencionada” estava congregando em uma igreja na cidade de Guarabira - PB. Nessa igreja, ela conheceu uma “profetiza” que, segundo o blog, lhe disse algo mais ou menos assim: “Eis que te digo: Há homem que Deus está preparando para casar com você. E o teu casamento acontecerá no dia 14 de dezembro de 2012. Te prepares e creia porque a qualquer momento ele virá!”. A jovem ficou tão empolgada e crente na “profecia” que marcou todos os preparativos para o casamento: Buffet, vestido de noiva, enxoval, alugou uma casa de festas para o dia marcado, contratou decoração e tudo o mais para o “casório”.

O blog afirmava que muitos moradores da cidade estavam ansiosos aguardando pelo dia 14 de dezembro, e comentavam sobre quatro (04) possibilidades para esse dia: 1) a profecia se cumprir e a profetiza ficar famosa; 2) algum aproveitador aparecer e resolver sua vida; 3) ela já ter um contato em Off com o ‘príncipe secreto’ e tudo não passar de algo combinado; ou 4) ela ficar a ver navios no dia 15 de dezembro.

Confesso, fiquei curioso para saber o desfecho. Como não pude ir “in loco” para verificar o fato, fiquei aguardando a matéria do Blog “A Arte de Chocar” do dia seguinte à data marcada para o “casório”. Hoje, 17 de Dezembro de 2012, saiu a matéria: deu opção 04: a moça, Elcielly Crispim Domingos, 24 anos, não casou. Ficou aguardando pelo “príncipe” até à meia noite, e, decepcionada, parou de esperar. Confessou que ficou triste, mas continuará esperando o seu amado.

Outros blogs e portais de notícias trouxeram a matéria sobre a decepção da jovem, trazendo detalhes dos preparativos para o tão esperado “casamentos às escuras”.

Para a festa foi alugada uma chácara, a noiva estava vestida a caráter, reunida com a família, amigos e curiosos que se aglomeraram em frente a casa dela. Foram encomendados três mil salgadinhos.

O que dizer diante de uma situação desta? Quem errou, a moça ou a “profetiza”? Sinceramente este é mais um desfecho dos profetas da confusão e do óbvio. Muitas igrejas estão lotadas de pessoas cheias de devaneios que confundem a voz de Deus com seus próprios distúrbios. São homens e mulheres obcecados por ouvir a voz de Deus fora das Sagradas Escrituras, pessoas que desconhecem os textos sagrados e ficam inventando que Deus está falando com elas e, o pior, enganando corações crédulos.

Segundo o blog, a moça Elcielly é uma pessoa boa, dedicada e de coração puro. Como ela existem muitas que estão na igreja, têm um coração puro, mas não estão livres das astutas ciladas dos profetas da confusão.

Creio que Deus fala ainda hoje. Creio na contemporaneidade dos dons, porém não acredito que Deus fale ignorando sua própria Palavra, as Sagradas Escrituras. É preciso muito cuidado com os profetas da confusão e do óbvio. Profetas que mais atrapalham do que ajudam o caminhar da igreja. Profetas que nos vêm dizer aquilo que é óbvio ou aquilo que nos trará grandes confusões.

Encerro com a conhecida oração de Lutero:

"Fiz uma aliança com Deus: que Ele não me mande visões, nem sonhos nem mesmo anjos. Estou satisfeito com o dom das Escrituras Sagradas, que me dão instrução abundante em tudo o que preciso conhecer tanto para esta vida quanto para a que há de vir." (Lutero).