O Pr. Gilson Soares dos Santos é casado com a Missionária Selma Rodrigues, tendo três filhos: Micaelle, Álef e Michelle. É servo do Senhor Jesus Cristo, chamado com santa vocação. Bacharel em Teologia pelo STEC (Seminário Teológico Evangélico Congregacional), Campina Grande/PB; Graduado em Filosofia pela UEPB (Universidade Estadual da Paraíba); Pós-Graduando em Teologia Bíblica pelo CPAJ/Mackenzie (Centro Presbiteriano de Pós-Graduação Andrew Jumper). Professor de Filosofia e Teologia Sistemática no STEC. Professor de Teologia Sistemática no STEMES, em Campina Grande - Paraíba. Pastor do Quadro de Ministros da Aliança das Igrejas Evangélicas Congregacionais do Brasil (AIECB). Pastoreou a Igreja Evangélica Congregacional de Cuité/PB, durante 15 anos (1993-2008). Atualmente é Pastor Titular da Igreja Evangélica Congregacional em Areia - Paraíba.

11 de abril de 2015

Cuidado: gentileza pode produzir gente lesa


GENTILEZA OU GENTE LESA?

Pr. Gilson Soares dos Santos

     De imediato quero chamar a atenção para o trocadilho de palavras. Embora eu saiba que grande parte dos que leem este pequeno artigo tem compreensão dos significados.
     Todos nós sabemos que gentileza é a qualidade ou caráter de gentil. É uma ação nobre, distinta ou amável. Também pode ser entendido como amabilidade e delicadeza. Por outro lado, sabemos que gente lesa são aquelas pessoas idiotas, amalucadas, lesadas, abestalhadas ou, como diz o palhaço, “abestadas”.
     Há muita gente fazendo papel de tolos em nome da gentileza. Tentando agradar a “gregos e troianos”. Vejo isto no meio cristão. Alguns pastores tentando demonstrar gentileza têm abraçado e levado a seus púlpitos todo tipo de pregador. Outros, a fim de se mostrarem gentis com seus auditórios, têm negligenciado a Palavra de Deus.
     Cuidado: gentileza onde não cabe gentileza produz gente lesa.