O Pr. Gilson Soares dos Santos é casado com a Missionária Selma Rodrigues, tendo três filhos: Micaelle, Álef e Michelle. É servo do Senhor Jesus Cristo, chamado com santa vocação. Bacharel em Teologia pelo STEC (Seminário Teológico Evangélico Congregacional), Campina Grande/PB; Graduado em Filosofia pela UEPB (Universidade Estadual da Paraíba); Pós-Graduando em Teologia Bíblica pelo CPAJ/Mackenzie (Centro Presbiteriano de Pós-Graduação Andrew Jumper). Professor de Filosofia e Teologia Sistemática no STEC. Professor de Teologia Sistemática no STEMES, em Campina Grande - Paraíba. Pastor do Quadro de Ministros da Aliança das Igrejas Evangélicas Congregacionais do Brasil (AIECB). Pastoreou a Igreja Evangélica Congregacional de Cuité/PB, durante 15 anos (1993-2008). Atualmente é Pastor Titular da Igreja Evangélica Congregacional em Areia - Paraíba.

9 de junho de 2015

Boicotar ou não boicotar: será essa a questão?


BOICOTAR OU NÃO BOICOTAR: SERÁ ESSA A QUESTÃO?

Pr. Gilson Soares dos Santos

Uma empresa de cosméticos e perfumarias lançou um vídeo para sua campanha de dia dos namorados. O comercial, com duração de mais ou menos trinta segundos, mostra casais heterossexuais e homossexuais trocando presentes e carinhos. O comercial foi entendido, por muitos, como um apoio ao movimento LGBT e isto foi o suficiente para que um pastor lançasse uma campanha de boicote contra a empresa e seu comercial, mostrando que isso é uma orquestração para difundir a prática da homossexualidade.

Sabemos que a Bíblia condena veementemente a prática homossexual. Porém, minha pergunta é: Será que boicote resolve o problema da cegueira espiritual das pessoas? Será que boicote vai amenizar o grau de obscuridade na mente daqueles para os quais não resplandeceu a luz do Evangelho? Conforme já pregava nosso irmão congregacional Jonathan Edwards, o pecado controla a vontade humana e altera o julgamento. A concupiscência predispõe a mente do homem para aprovar o pecado e lhe dar nomes bonitos. O mesmo desejo que leva o homem a pecar contra Deus e Sua Palavra é o mesmo que o cegará. A concupiscência leva a mente carnal a inventar desculpas e aprovar o pecado.

Somos livres para boicotar, ou não, a perfumaria no “dia dos namorados”. Mas lembremos de uma coisa: só o “Evangelho é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê”.